Notícias e informação para o povo de Deus, dicas, meditação, reflexão, palavra, devocional, música, conteúdo de qualidade!

Ex-criminoso conhece a Jesus na prisão e se torna pastor


Um conhecido “criminoso de carreira” declarou que na prisão é possível encontrar “vida abundante”. Scott Highberger foi preso pela primeira vez com apenas 12 anos de idade. Cresceu em Michigan City, Indiana (EUA), onde foi cercado de maus hábitos.

O ex-viciado em drogas já enfrentou a prisão 35 vezes e encarou 8 condenações criminais. Durante essa trajetória teve a oportunidade de conhecer a Cristo. “Eu era um garoto rebelde e aprendi a resolver meus problemas através da violência e das brigas”, disse.

Em entrevista ao The Christian Post revelou que começou a beber muito cedo e acredita que isso o estimulou a cometer crimes e a conhecer o mundo das drogas. “Eu vivi uma vida muito aleatória, sem objetivo real ou propósito”, reconheceu.

Enquanto morou numa casa de recuperação, logo após sair da prisão, teve um relacionamento, do qual gerou um filho. O fato de formar uma família não o transformou imediatamente.

Frustações

Enquanto procurava uma igreja, acabou sendo preso mais uma vez, sem nem mesmo saber o motivo. Depois de passar duas semanas lendo a Bíblia em sua cela, participou de um culto na prisão e entregou sua vida a Cristo.

“Eu nasci de novo, então pensei que as coisas seriam diferentes. Planejei me casar com a mãe do meu filho e ter uma vida incrível juntos”, disse. Mas seus planos não deram certo. Assim que Highberger voltou para casa, ela anunciou que estava indo embora com o filho.

Depois disso, ele tentou suicídio duas vezes e voltou ao estilo de vida anterior. Lutou para ver o filho e, quando finalmente conseguiu, dirigiu fumando crack com o pequeno sentado no banco de trás. O resultado disso foi ser afastado novamente do menino.

Morador de rua

“Eu dormia em lixeiras e nas ruas eu só pensava em comprar a próxima dose de droga. Cheguei ao fundo do poço e estava tão cansado da minha vida”, confessou.

Um dia se lembrou de uma palavra: “Vocês me procurarão e me acharão quando me procurarem de todo o coração.” (Jr 29.13). “No meu pior momento busquei a Deus e ele simplesmente começou a mudar radicalmente a minha vida”, lembrou.

Highberger sentiu sede pela Bíblia, passou a frequentar cultos e a se oferecer como voluntário na igreja. Determinado a salvar os outros da vida que quase o destruiu, ele então se aproximou dos pastores e pediu auxílio para iniciar um ministério dentro da prisão.

Verdadeira conversão

No início, Highberger prestava serviços semanais aos presos. Depois começou a frequentar a prisão quatro vezes por semana. Atualmente, junto de sua esposa Danielle, ministra para milhares de prisioneiros, levando-os à libertação.

“Olhando para trás, entendo que todos esses anos serviram de preparação para esse ministério. Deus estava me moldando”, comentou. “Para muitos, a prisão é um local de punição, mas para mim foi uma oportunidade de estar a sós com Deus, iniciar um processo de recuperação e ficar longe das influências negativas”, disse.

“Encontrei liberdade na prisão e também quero isso para as outras pessoas”, ressaltou. Highberger compartilha sua história em seu livro “Por trás das grades – A jornada de um prisioneiro até o púlpito”.

“Liberdade é uma condição espiritual. Há uma prisão invisível que mantém muitas pessoas nas garras do mal, e a única maneira de sair disso é através de Jesus”, reconhece.

Atualmente, o pastor Highberger tem um bom relacionamento com o filho. “Minha mensagem é simples: nova vida é possível através de Cristo, mesmo para um ex-criminoso como eu. Há esperança para os viciados em drogas, para os alcoólatras e aos que pensam que não podem ser redimidos. Há vida abundante, mesmo dentro da cadeia”, concluiu.

Gospel Prime

Postar um comentário

[blogger][disqus][facebook][spotim]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget